Os Poderes Místicos

3166
Os Poderes Místicos

Querido amigo, muita gente hoje em dia fala sobre yoga, no qual significa “união”, união com Deus, com a verdade, com a perfeição. Entrar em contato com Ele, purificar-se e sair da ignorância, isso é o mais importante nesta vida.

No entanto também há pessoas que tenham escutado que existem yoguis que podem desenvolver poderes místicos e se sentem muito atraídos por esses poderes porque querem dominar este mundo, querem ter o poder da cura, o poder de ver o futuro, o poder de manifestar as coisa.

Assim mencionamos outros poderes místicos que os yoguis poderosos podem fazer:

  •         Anima-Sidhhi: refere-se ao poder mediante ao qual alguém pode tornar-se tão pequeno quanto um átomo.
  •         Laghima: O poder de tornar-se tão rapid que seja capaz de flutuar pelo ar ou sobre a agua.
  •         Maghima: É o poder místico de tornar-se tão grande como uma montanha.
  •         Prapti: O poder de conceder qualquer desejo.
  •         Ishita: Com este poder alguém pode criar ou destruir um planeta inteiro simplesmente por desejar.
  •         Vasitva: Mediante a esta perfeição se pode ter todos os sentido sob controle.
  •         Prakamaya: (Magia) Mediante a este poder se pode adquirir qualquer coisa que deseje.
  •         Kamavasayita: Permite-lhe controlar a natureza, em outras palavras, fazer o impossível.

Além desses poderes existem outros como a telepatia, a telecinésia etc, que algumas pessoas se esforçam ansiosos para alcançar por que assim aumentam seu ego, o ego dos poderes, de ter algo que os demais não têm. E basta o ego para afirmar que estão canalizando o poder de Deus, isso na verdade é um grande desvio do caminho transcendental, além de, ser muito perigoso e nossos mestres espirituais genuínos ensinam bem que devemos buscar a perfeição em nossos corações.

O objetivo final é entender a vontade de Deus e se alguém esta interessado em tornar-se Deus, se alguém não esta preocupado que haja alguém acima delas ou pensam ser a mais alta autoridade em todos os seus assunto, ela realmente tem na realidade um orgulho enorme e um falso ego. Por que se queremos falar de Deus, Ele é quem mantém a todos, aquele que não mantém a todos não pode chamar-se Deus! Isso seria uma fala sem sentido.

Seja honesto amigo você nem se quer mantém a si mesmo, o que diria dos demais. Quem mantém a todos é a Mãe Natureza e ela é seu Diretor Supremo, ela realmente é quem merece adoração, admiração e glorificação.

Nós, seres humanos somos especialistas em criar problemas, então, devemos agradecimento a Suprema Personalidade de Deus por que Ele é quem nos mantém, nos protege e nos guia para a perfeição.

Assim vemos que os poderes místicos de Deus são infinitos. No caminho da Bhakti Yoga (yoga da devoção), não queremos poderes místicos sabemos que o maior poder se manifesta através de tudo que nos rodeia incluindo nossa própria capacidade de falar sobre estas questões. É verdade que podemos ser grandes cientistas, grandes músicos e muitas outras coisas. Além disso, o yogue em seu caminho pode desenvolver vários poderes, mas se ele se distrai e perde de vista seu objetivo ele perde todo o poder transcendental que havia alcançado. Nosso mestre espiritual nós da uma grande advertência a respeito disso para que nunca nos esqueçamos dos poderes de cura e de poder ajudar aos outros, fazendo disso uma oferenda ao Senhor dando todas às glorias a Ele.

Todas as pessoas tem o poder de dar carinho e consideração às pessoas enfermas, mas aqueles que querem adquirir créditos por esses acontecimentos e não reconhecem a posição do Senhor Supremo, desperdiçam essa forma humana e a capacidade de representar o Amor Supremo por estarem distraídos neste mundo.

Primeiro surge o dinheiro que distrai as pessoas, depois esta a atração pelo sexo oposto e logo vem a fama e justamente pela fama surgem assuntos místicos. Há pessoas que após adquirirem certos poderes fazem um “Show” barato para vender suas aquisições ou atrair seguidores com algumas de suas demonstrações. Se realmente estamos interessados em chegar a perfeição de vida não devemos nos desviar com esses assuntos baratos que inclui a mesma ciência de pessoas materialistas  que tentam superar a perfeição.

Temos ouvido falar de yoguis que estavam ensinando as pessoas a levitar, mas é algo que não se pode comparar a capacidade de aviões transportar pessoa de um continente á outro em pouco tempo, também ouvimos falar de pessoas que dominavam as aguas ou penetravam a terra, deslocam coisas de lugar, a ciência moderna tem se desenvolvido de forma tão espetacular que fazem tuneis que perfuram montanhas!

Então talvez devamos mesmo tentar voltar nossa atenção nos dons que recebemos: o dom de amar no lugar de sermos indiferentes e exploradores, isso é milagroso! Esse poder só se pode desenvolver se for tocado pelos poderes de um santo Verdadeiro, um devoto puro do Senhor!

“Os desejos multiplicam a miséria, tente ser satisfeito com o que você tem”

Swami B.A. Paramadvaiti

Fonte: Coleção Sabedoria Védica
Autor: Swami B.A. Paramadvaiti